segunda-feira, 10 de janeiro de 2011

Seres do bem



        Com o passar do tempo, venho percebendo a importância de uma imensa amizade.
        Aquela na qual os seres que se dispõem a compartilhar sentimentos, atitudes e sua vida nos mais diversos aspectos, seja, em momentos felizes, como em momentos tensos, de temor.                       O sentimento de amizade marca a trajetória de seres que a partir daquele momento estarão ligados por laços afetivos fortes. Sendo um dos motivos à proteção um com o outro.
        Tenho em minha concepção de amizade, as pessoas que não apenas se preocupa com o seu próximo, mais sim, aquele que estará disposto a enfrentar problemas e situações para ajudá-lo. Sendo não apenas um amigo, mais sim como um irmão.
         Digo que nesses “20” anos de vida, participei de vários ‘grupos de amizade’ onde considerava todos aqueles meus verdadeiros amigos, que no fim percebi que nem sempre vai haver um sentimento recíproco.
          De que adianta, você partilhar de seu tempo, espaço e gratidão, com aqueles que nem sequer dão à mínima pro que você sente?
          Pois é, por muitas vezes vamos tentar ser bons e ajudar aqueles que gostamos mais nem sempre eles farão o mesmo por nós.
O que será mais importante nesse momento?
Parar, e deixá-los a mercê dos problemas, mesmo você tendo capacidade de ajudá-lo?
         Admito que nem sempre é fácil ajudar o próximo, ainda mais sabendo que ele não faria o mesmo por nós.
          Mais se pensar-mos bem, estamos aqui, vivos, não é atoa.
Temos um propósito, cultivar o amor e a caridade com o próximo.
Não podemos, e nem devemos, semear ódio, rancor, inveja, por nosso semelhante. É difícil, tem situações que nem mesmo a calma ajuda né? Vamos tentar sempre que possível, parar, fechar nossos olhos, e refletir, “Qual seria a atitude de Jesus nesse momento”? . Será que ele faria isso?
        Tenho certeza que Jesus, mesmo apedrejado e humilhado, ele esteve sempre do nosso lado, nos amando e perdoando.
Vamos tomar como impulso o nosso grande exemplo e tentar amar o próximo como nós amamos!
         Mesmo sendo difícil, aos poucos podemos mudar certas atitudes que não só ajudará você, mais a todos que você ajudar, tenho certeza que uma sementinha será plantada no coração dessa pessoa, e ela perceberá que você é um ser bom.
Fiquem com Deus.
By: Luanda Silva’



Um comentário:

  1. muito bom o seu blog, eu já estou seguindo.
    segue o meu:
    http://macabunatelinha.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Dê sua opinião aqui'